quarta-feira, abril 17, 2024
HomeAlfabetizaçãoCanaã dos Carajás sedia cerimônia de entrega de materiais de alfabetização pela...

Canaã dos Carajás sedia cerimônia de entrega de materiais de alfabetização pela Fundação Vale

Mais de 32 mil crianças de oito municípios do sudeste do Pará serão beneficiadas com almanaques e jogos pedagógicos

imagens: Diego Barbosa

Valorização da identidade, pertencimento, visibilidade e protagonismo na aprendizagem foram celebrados durante o evento do projeto Trilhos da Alfabetização, da Fundação Vale. Docentes, especialistas, representantes do Poder Público e da iniciativa privada lotaram a plenária da Câmara dos Vereadores, em Canaã dos Carajás, na manhã da última sexta-feira (15). Na oportunidade, foi realizada a entrega simbólica dos livros e materiais educativos desenvolvidos pela Fundação Getúlio Vargas (FGV) especificamente para a iniciativa.

A inovação do material é a presença de narrativas, histórias e vivências da cultura dos povos dos estados do Maranhão e Pará, origem da maioria dos estudantes do sul e sudeste do estado. Durante o evento, a educadora e coordenadora do projeto pela FGV, Vilma Guimarães, apresentou detalhes dos almanaques. “Se aprende com mais prazer quando o que está retratado na vida prática das crianças é o cotidiano. Por isso, nos preocupamos de que traços de suas vidas estivessem representados nas lições do livro: frutas, cultura e pessoas/ reais das comunidades.”. Os municípios que integram o projeto são: Bom Jesus do Tocantins, Canaã dos Carajás, Curionópolis, Eldorado dos Carajás, Marabá, Ourilândia do Norte, Parauapebas e Tucumã.

Grupo de Bumba Meu Boi anima solenidade

Entre os destaques da literatura está a quebradora de coco do babaçu, Marlene Martins. Ela não escondeu a alegria em ter sua profissão como ferramenta de alfabetização nas páginas do almanaque. Emocionada, falou de sua experiência de aprendizagem e esperanças para a sociedade. “Eu paguei por minha alfabetização por meio do meu trabalho. Hoje tenho uma grande família que é meu orgulho. Porém, fico feliz em ver a prefeitura e a Vale investindo em educação para que crianças tenham um futuro ainda melhor.”, pontuou

Canaã dos Carajás conta com 136 professores do 1º ao 3º ano, responsáveis pela alfabetização dos alunos. Em sua maioria formado por mulheres, o corpo docente estava presente na cerimônia. O secretário de educação da prefeitura de Canaã dos Carajás, Leonardo Cruz, falou da importância de haver um esforço pela alfabetização na idade correta. “Sou grato por contar com profissionais compromissados com o ensino na primeira infância. E esse material soma-se de forma importante aos nossos esforços. Alfabetizar, letrar é muito importante. E garantir que crianças saibam o lugar que ocupam na cidade, na sociedade é necessário. Esse material valoriza nossa cultura, nos ajuda a construir um sentimento de pertencimento e identificação com nossas raízes.”, comentou.

Josemira conta como a educação transformou sua vida

A diretora-presidente da Fundação Vale, Flávia Constant agradeceu aos prefeitos, gestores educacionais e educadores dos municípios pela colaboração no projeto. “É um esforço coletivo. Somos todos apaixonados por educação e essa experiência foi, também, uma oportunidade para contribuirmos para o desenvolvimento de um território tão rico. Foi uma aprendizagem singular. Que o almanaque seja a materialização desse projeto dentro de sala de aula, um trabalho de valorização da cultura que estimule o desenvolvimento de nossas crianças.”, disse.

Concluindo o evento, a prefeita de Canaã dos Carajás Josemira Gadelha falou da importância da educação em sua vida: “uma das minhas mais belas lembranças é meu primeiro dia de aula. Eu não sabia que a educação transformaria minha vida – e ela transformou. Não se pode pensar em desenvolvimento, prosperidade, erradicação da fome e pobreza sem educação. Por isso, não fazemos política na educação. Fazemos da educação nossa política.”, ressaltou. Ela destacou, por fim, que o setor público, privado e sociedade civil estão “de mãos dadas para combater o analfabetismo e transformar vidas.”, finalizou.

No evento, estiveram presentes, além da prefeita de Canaã dos Carajás Josemira Gadelha, a prefeita de Eldorado dos Carajás, Iara Miranda, do prefeito de Bom Jesus do Tocantins, João da Cunha Rocha, do vice-prefeito de Canaã dos Carajás Zito Augusto, dos vereadores de Canaã dos Carajás Maria Pereira e Júnior Garra, do secretário de educação de Canaã dos Carajás, Leonardo Cruz, da presidente da Fundação Vale, Flavia Constant, da diretora-executiva Pâmella De-Cnop, do diretor de territórios norte da Vale, Eloíso Araújo e dos mestres de Bumba Meu Boi Valdemar e Zé do Boi – ambos com suas personalidades retratada no livro.

Trilhos da Alfabetização

O projeto Trilhos da Alfabetização é uma iniciativa da Fundação Vale, em parceria com e as prefeituras de oito municípios do sudeste do Pará, por meio de suas secretarias de educação, e a Fundação Getulio Vargas (FGV), com investimentos da empresa Wheaton Precious Metals e do BNDES por meio do Fundo Socioambiental.  Nos municípios, o projeto soma esforços com o Alfabetiza Pará, programa da Secretaria de Estado de Educação que fornece, em regime de colaboração, ferramentas técnicas, pedagógicas e financeiras para garantir que todas as crianças de até 8 anos sejam plenamente capazes de ler e escrever.

RELATED ARTICLES

LEAVE A REPLY

Please enter your comment!
Please enter your name here

- Advertisment -

Most Popular